marketing de conteúdo

A importância do Marketing de Conteúdo para conquistar defensores para a sua marca

A opinião dos consumidores a respeito de um produto ou de uma marca nunca teve tanto valor quanto nos últimos tempos. Até porque, ultimamente eles têm muitas vezes dado mais valor a experiência com uma marca que a qualidade de um produto.

Um único comentário negativo pode levar a uma enorme crise que, se não revertida do jeito correto, pode prejudicar a longo prazo uma empresa.

Você mesmo possivelmente já presenciou alguma marca passando por uma crise nas redes sociais: elas costumam começar por uma crítica feita em uma fanpage, que leva a mais críticas de outras pessoas que tenham enfrentado o mesmo problema e isso desenrola uma cadeia de outros comentários até que a marca se torna notícia.

Pois, da mesma forma que os comentários ruins podem prejudicar — e muito — uma marca, os elogios e os defensores de uma marca podem ajudar a fortalecer os seus produtos e serviços diante de outros consumidores. Pois podem influenciar na opinião e até mesmo na compra de outras pessoas e fortalecendo a autoridade de uma empresa.

Por isso, ter defensores hoje em dia é quase que como contar com um time de Marketing externo, “gratuito” e com grande capacidade de influência. Por isso esse público fidelizado e comprometido é muito importante!

O que você talvez ainda não saiba é que o Marketing de Conteúdo pode ter um papel fundamental na hora de se pensar em uma estratégia focada no Marketing de Defensores.

Vamos começar entendo um pouco mais sobre cada uma dessas variações para que você entenda o porquê de alinhar essas duas estratégias.

O que é Marketing de Defensores

O Marketing de Defensores é uma estratégia focada em conquistar verdadeiros evangelistas para o seu negócio.

Mas afinal, quem são essas pessoas?

Geralmente, os defensores de uma marca são aquelas pessoas que tiveram uma boa experiência com sua marca — e interessantemente, tendo ou não consumido algum produto — e que acabam se engajando com você, interagindo em suas redes sociais, compartilhando os seus conteúdos. Dessa forma, acabam promovendo o seu negócio de maneira “espontânea”.

Por isso, se o seu objetivo é alcançar defensores engajados o suficiente a ponto de demonstrarem isso no meio digital, além de uma boa experiência com sua empresa e produtos, você pode elaborar uma estratégia que incentive-os a realizar essas interações.

É aí que o Marketing de Conteúdo entra em cena.

O que é Marketing de Conteúdo

Se você já acompanha o nosso blog, deve estar cansado de saber. Mas é sempre bom lembrar.

O Marketing de Conteúdo é uma estratégia de Marketing que tem como objetivo atrair os potenciais clientes de uma marca através de conteúdo relevante e de qualidade.

Quando você auxilia a sua persona em seu dia a dia, solucionando dúvidas ou problemas que ela tem através de conteúdo, você estará gerando valor para ela, se tornando uma autoridade no assunto em questão e, com tudo isso, conquistando sua confiança.

Ou seja: é uma excelente motivação para que o seu público interaja com a sua marca através de vários canais e possibilidades.

Como o Marketing de Conteúdo pode te ajudar a conquistar defensores

Vamos pensar em todo o processo de uma estratégia de Marketing de Conteúdo, associando à conquista de defensores.

O que uma pessoa precisa para se apaixonar por uma marca a ponto de interagir com ela e promovê-la para os seus amigos?

Primeiro passo: Atrair

Tudo começa com uma boa experiência. E isso é extremamente possível através de um bom conteúdo.

Quando uma pessoa recebe informação relevante e que a auxilia em algum problema ou dificuldade, seja do dia a dia ou momentânea, a pessoa se sente aliviada e consequentemente, grata.

Por isso, esse deve ser o papel do seu conteúdo: informar de maneira simples e objetiva, gerando valor para sua persona.

Que, aliás, é muito importante! Se você não tem definido claramente quem é a sua persona, quais são os seus interesses, dificuldades e principais características, você dificilmente conseguirá produzir conteúdos que realmente sejam relevantes para ela.

E ela quem ditará a sua linguagem, o formato do seu conteúdo, os canais pelos quais ele será divulgado, os principais temas que serão tratados e até os tipos de interação possíveis. Por isso, se você deseja conquistar defensores, você precisa conhecer a sua persona melhor que ninguém!

Se você ainda não definiu a sua persona e está tendo dificuldades nesse processo, acesse o nosso Fantástico Gerador de Personas e, com poucos minutos, receba um documento completo sobre ela em seu email.

Mas lembre-se: personas são personagens semifictícios, e por isso devem ser baseados em dados reais sobre os seus atuais clientes, formando o perfil do seu cliente ideal.

Segundo passo: Conquistar

Agora que você sabe o que deve fazer para produzir conteúdo, é hora de produzir — muito — conteúdo de qualidade!

Se o seu público tiver uma ótima — porém única — experiência com o seu conteúdo, você jamais conseguirá fidelizá-los a ponto de construir um relacionamento que os torne evangelistas da sua marca.

Por isso, a sua produção de conteúdo deve ser constante e consistente, apresentando sempre novidades e novas oportunidades para que os seus leitores obtenham benefícios através do consumo do seu conteúdo.

É importante entender que quanto mais o seu conteúdo representa informação mas também novidade para o seu público, maiores as chances de interação com ele.

Pense da seguinte maneira: você não sabe fazer miojo. E por isso, pesquisa em algum site de busca, encontra um conteúdo sobre o assunto e pronto, ele consumiu mas isso não seria uma novidade pra ninguém, por isso não vale o compartilhamento.

Por outro lado, se você, além de fornecer a informação, apresentar alguma novidade para o seu leitor, as chances de interação e principalmente compartilhamento desse conteúdo aumentam muito, já que ele pode dividir com outras pessoas uma informação nova, como “7 maneiras inovadoras de fazer um miojo”!

Outra maneira de conquistar esses leitores é através da produção de materiais ricos.

Esses são conteúdos mais completos e que geram ainda mais informação e consequentemente valor para os seus leitores, além de grandes chances de engajamento.

Além disso, os materiais ricos contam com a vantagem da possibilidade do uso de Landing Pages, que são as páginas de captura de informação e conversão de leads.

Nela, para que a sua audiência tenha acesso aos seus materiais ricos, pode ser solicitado como uma “moeda de troca” algumas informações de contato, como nome e email.

De posse dessas informações, você tem a possibilidade de criar fluxos de nutrição estabelecendo um relacionamento com suas agora leads, aumentando as possibilidades de conquista, já que você estará diminuindo o trabalho dela para ter acesso aos seus conteúdo que são diretamente relacionados às áreas de interesse dela!

Terceiro Passo: Incentivar

Se você já atraiu e conquistou essas pessoas, chegou a hora de incentivá-las a interagir com os seus conteúdos!

E esse processo pode ser feito de várias maneiras.

Primeiro, você precisa tornar o processo de interação facilitado! É muito simples: todos os seus conteúdos precisam ser facilmente consumidos, mas também de fácil interação.

Isso pode ser feito a partir de botões para compartilhamento em redes sociais, espaços de comentário em seu blog ou qualquer outra ação que torne mais simples o relacionamento do seu público com o que você produz.

Além disso, você pode incentivar as interações. E o principal meio de realizar esse processo é através de CTAs.

CTAs —  ou calls-to-action — são links, botões ou imagens que convidam o seu leitor a realizar uma ação. Por exemplo “Deixe o seu comentário”, “Compartilhe esse conteúdo”, “Dê um like”, “Baixe o ebook”, etc.

Além de motivar as ações dos usuários, você estará tornando esse processo mais acessível e simples a eles, que poderão responder ao seus CTAs com poucos ou até mesmo 1 único clique.

Quarto passo: Relacionar

Por fim, mas não menos importante, agora que você já atraiu, conquistou e incentivou os seus defensores a interagirem com o seu conteúdo, é hora de estar atento e disponível para construir um relacionamento.

Isso significa que tanto em suas redes sociais quanto em seu blog e email, você deve estar sempre ligado aos comentários e interações que estão sendo feitas.

Quando uma empresa responde a um elogio ou até mesmo tem uma boa postura em relação a uma crítica, ajudando a resolver o problema ou reconhecendo os erros quando necessário, ela permanece conquistando os usuários e tornando-os ainda mais apaixonados com a marca.

Por isso, dê atenção aos comentários, curtidas, dúvidas, reclamações ou a qualquer outro tipo de interação que aconteça em seus canais e garanta que os problemas serão resolvidos antes de gerar uma crise e que os defensores continuarão amando e respeitando você, influenciando ainda mais pessoas.

Conclusão

Poucos produtos geram tanta interação quanto um bom conteúdo! Eles são de fácil consumo, geram informação, agregam valor e podem ser compartilhados com alguns cliques.

Por isso eles são uma ótima opção para quem deseja conquistar defensores e incentivá-los a interagir com sua marca, para aumentar ainda mais o alcance a influência das suas ações.

Então, se você deseja começar uma estratégia de Marketing de Defensores, alinhe essa estratégia a um bom Marketing de Conteúdo e aumente as suas possibilidades de fidelizar e conquistar evangelistas que podem gerar grandes resultados para a sua marca.

E se você deseja entender um pouco mais sobre o Marketing de Defensores, e como ele pode gerar muito valor e retorno às suas estratégias, leia o nosso post especialmente sobre o assunto!

Este artigo foi produzido pela equipe da Rock Content.